Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

contrast-40
lupa-40
Notícia

UFMG lançará Rede de Divulgação Científica

Os desafios para a divulgação científica e para a ciência na contemporaneidade são numerosos, diversos e requerem ações articuladas a curto, médio e longo prazo. Pensando nisso, a UFMG lançará na próxima quinta-feira, dia 11 de fevereiro, às 11h, a Rede de Divulgação Científica.
 
O lançamento terá como convidado o atual presidente Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), professor Ildeu de Castro Moreira. O evento será transmitido, ao vivo, pelo canal da Pró-reitoria de Extensão da UFMG no YouTube. Os participantes poderão postar comentários e perguntas no chat da transmissão.
 
O público poderá, também, acompanhar por meio de sala de webconferência na plataforma RNP neste link. Nesse caso, haverá um limite de 75 participantes, de acordo com a ordem de chegada.
 
Fortalecimento em rede
 
De acordo com a Diretora de Divulgação Científica da UFMG, professora Débora d'Ávila Reis, a Rede de Divulgação Científica visa congregar as várias iniciativas de divulgação científica existentes dentro e fora da UFMG de modo a fortalecer essas ações e construir outras frentes. “Queremos identificar objetivos comuns, carências, demandas, possibilidades de parcerias e articulação com os setores da sociedade e com as políticas públicas. Espera-se não apenas o fortalecimento das ações já existentes, mas também a construção de frentes de atuação conjuntas, na perspectiva do pensar, do criar e do agir na coletividade”, afirma.
 
A UFMG vem se destacando na divulgação científica entre as universidades brasileiras, desenvolvendo projetos, programas e cursos no âmbito do ensino, pesquisa e extensão. Essas iniciativas, que contam com a participação expressiva de docentes, estudantes, técnico-administrativos, buscam, principalmente, democratizar os espaços de discussão, os processos e resultados das pesquisas, o conhecimento gerado na Universidade.
 
São exemplos recentes, nesse sentido, as iniciativas de disseminação de informações confiáveis e cientificamente comprovadas a respeito do novo coronavírus, as ações, por meio do uso de ferramentas tecnológicas, de combate às fake news e o lançamento do curso de Especialização em Comunicação Pública da Ciência (Amerek) em parceria com o Instituto Serrapilheira.  
 
Em 2010, foi criada a Rede de Museus com vistas à atuação articulada dos espaços de ciência e cultura da Universidade. Em 2015, a UFMG criou a Formação Transversal em Divulgação Científica, na graduação, e o Fórum de Cultura Científica a partir da iniciativa de um grupo de professoras e professores atuantes na área.
 
Segundo Débora d'Ávila Reis, o Fórum de Cultura Científica passará a integrar a programação de atividades da Rede de Divulgação Científica em uma relação mais orgânica com a Formação Transversal e a Especialização em Comunicação Pública da Ciência. “As análises e reflexões realizadas no âmbito do Fórum desde a sua criação apontam para a necessidade e urgência em se criar uma rede, que se articule com as outras redes locais, nacionais e internacionais e que esteja em permanente diálogo com outros atores da sociedade, políticas públicas, movimentos sociais, organizações sociais”, observa a professora.
 
Outras informações podem ser obtidas no e-mail ddc-secretaria@proex.ufmg.br
 
 

 

Redação: CEDECOM

Últimas Notícias

Eventos

Fique de Olho

Acompanhe a Escola