Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

contrast-40
lupa-40
Notícia

Pesquisadores da UFMG reforçam necessidade de achatar curva epidêmica

 
Em meio aos debates sobre medidas restritivas que devem ou não ser aplicadas pelos governos à população, a contaminação pelo novo Coronavírus soma cada vez mais vítimas em todo o país. Secretarias estaduais de Saúde contabilizam 2.611 infectados e Ministério da Saúde computa 63 mortes.
 
Pesquisadores do Departamento de Microbiologia do ICB, Giliane Trindade e Flávio da Fonseca reforçam a importância de conter as transmissões do vírus por meio do distanciamento social. A eficácia da medida é explicada por meio do comportamento da curva epidêmica, que possibilita visualizar graficamente a evolução da disseminação da Covid-19 ao longo do tempo. Em entrevista à TV UFMG, ambos explicam por que é fundamental achatar a curva da epidemia.
 
Para não sobrecarregar o SUS
 
Para a professora Giliane, esse processo evita a elevação repentina do número de casos em um mesmo período e a consequente sobrecarga do Sistema Único de Saúde (SUS), que não disponibiliza leitos suficientes para o atendimento em massa da população. Para que essa diluição da transmissão ocorra, é necessário que as pessoas fiquem em casa e pratiquem o distanciamento social, ou isolamento para aqueles que fazem parte de grupos de risco.  
 
Contudo, o professor Flávio da Fonseca alerta que, apesar de o achatamento da curva ser considerado uma medida eficaz e necessária, o gráfico brasileiro ainda acompanha a curva de países como China e Itália, com nível de progressão agudizado na primeira semana de transmissão do novo vírus. 
 
Entrevistados: Giliane Trindade e Flávio da Fonseca, professores do Departamento de Microbiologia do Instituto de Ciências Biológicas da UFMG
 
Ficha técnica: Luíza Martins e Luciana Julião (produção e reportagem); Ana Stofella e Lucas Tunes (imagens); Marcelo Duarte (edição de imagens); Bruna Araújo (videografismo); Olívia Resende (edição de conteúdo) 
 
Redação: Cedecom

Últimas Notícias

Eventos

Fique de Olho

Acompanhe a Escola